vendredi 12 novembre 2010

Gamao, um dos jogos mais antigos da humanidade!


Os historiadores estimam que o gamão era jogado pelo menos 1000 anos antes do xadrez e, que por sua facilidade de fabricação, montagem e transporte, teve muita aceitação e sucesso em tribos nômades do continente Africano.
Também era considerado um jogo nobre, sendo reconhecido como uma forma de competição intelectual entre os chefes das tribos, religiosos e nobres em geral.
Mas, também por sua simplicidade, também obteve grande sucesso nas classes menos favorecidas, o que tornou-o um sucesso mundial com uma longevidade e tradição ímpares.
O gamão é jogado numa “pista” unidimensional, e, seu objetivo é levar todas as peças (“checkers”) de um lado ao outro do tabuleiro e, quando o tabuleiro termina, elas são retiradas do jogo.
Vence o primeiro jogador ficar sem peças, e a pontuação pode ser maior se a margem pela qual vence for muito grande (se o adversário não tiver conseguido levar nenhuma das suas peças até à fila de chegada, o jogador que vence consegue pontuação em dobro), o que não acontece no jogo de xadrez, nem na maioria dos jogos de tabuleiro.
Mas o fator que o distingue de forma mais marcante dos outros jogos, é que, além dos fatores intelectuais e estratégicos, o fator sorte tem uma enorme influência em seu resultado, o que dá ao jogo um dinamismo ímpar.
O jogador move as suas peças de acordo com dois dados, que são lançados a cada jogada e, por isso, é um jogo completamente mais imprevisível e equilibrado que os jogos de xadrez e damas.
Além de tudo, o gamão ainda é um jogo que seus jogadores dificilmente desejam terminá-lo pois, mesmo quando parece tudo perdido ou ganho, o fator sorte pode virar o jogo de forma radical mas, quase nunca definitiva.
Tanto é que o gamão, junto com o xadrez, são os jogos que mais figuram entre as preferências e atividades educacionais de várias categorias militares, de estratégia política e empresarial e até como conteúdo didático das ciências da diplomacia, pois permite e proporciona um conhecimento único da forma de seu adversário pensar e agir.

Aucun commentaire:

Enregistrer un commentaire

Enregistrer un commentaire